Angelus

vídeo / 3'04'' / cor / som / 2020

Todos os dias às 18 horas entra pela janela o som do anjo anunciando a Maria. A narrativa da anunciação, tão presente na história da arte ocidental, coloca em questão o mistério da concepção, a servidão da mulher e a pluralidade de leituras de um tema. Durante os meses de isolamento por conta do covid-19, a hora do Angelus tornou-se um momento de conexão, onde o mundo lá fora vem anunciar que a concepção não para.

2020. Narrativas e memórias poéticas: experiências em tempos de pandemia. Goiás/GO.